top of page

As mudanças do Hortifruti para melhorar experiência na categoria de sucos


Parceria com a Green People permitirá padronização e será importante braço no plano de expansão da rede


Uma das características mais marcantes da rede Hortifruti Natural da Terra está passando por transformações: os sucos feitos na loja, naturais, agora passam a contar com parceria da Green People como fornecedor. A novidade começou a ser implantada em novembro na produção de quatro sabores: suco verde, suco refrescante, laranja e laranja, cenoura e beterraba. A fábrica, localizada em Três Rios, no interior do Rio de Janeiro, é responsável pelas novas embalagens também.


A mudança chega para oferecer mais dinamismo à logística da rede, que passa por expansão, e ainda dar mais oportunidades de sabores aos consumidores, já que a Green People fornecerá lançamentos mais recorrentes à rede e em sabores nunca explorados pela varejista. Dessa forma, a rede Hortifruti Natural da Terra pretende melhorar a experiência do consumidor que seguirá contando com itens naturais, livre de conservantes e aditivos artificiais.


O modelo industrializado é reforçado por Ana Junqueira, Coordenadora de Processos de Varejo da rede. “Esse não é um processo industrial que traz perdas. A escolha da Green People é justamente porque ela possui maquinário eficiente que mantenha os recursos naturais mantendo os nutrientes. Nós não abrimos mão da nossa essência, mas precisamos pensar de maneira mais global para seguir os planos de expansão da rede”, conta.


Ana explica que hoje a rede conta com cerca de 70 lojas e, se cada uma seguisse um modelo industrial nas unidades, não seria possível ter o volume de linhas que hoje a Hortifruti possui. “Fazer o controle e manter o padrão tendo um número de lojas que só cresce é um desafio. Precisamos encontrar um ponto comum para nos facilitar e ainda somar valores para agregar ao cliente”, falou em entrevista ao Mundo do Marketing.


Algumas mudanças nos sucos precisaram ser feitas, como o suco verde que passou a contar com novos ingredientes e inicialmente gerou estranheza em alguns consumidores. “Na fase inicial recebemos alguns feedbacks que já foram repassados para a Green People para ajustes. Por isso ainda nem fizemos uma comunicação formal, pois ainda estamos no começo. Tivemos um período de treinamento de equipe nas lojas para explicar como seriam feitos os sucos a partir de agora e um promotor nas lojas oferecendo degustação dos sucos”.


Para os fãs das bebidas feitas na rede, Ana explica que alguns sabores seguirão sendo produzidos em loja. O de açaí, por exemplo, ela explica que a fabricação é específica e precisa ser feita sob a demanda da unidade. Já a água de coco é oferecida via dois modelos: fabricante especializado no Espírito Santo e na própria loja – a diferenciação é percebida pela embalagem.


A parceria com a Green People mantém modelos semelhantes de embalagem e ainda permitirá novos sabores que chegaram à rede: pink lemonade e caju. A ideia é ampliar a linha eventualmente aproveitando a expertise da fabricante. “A categoria de sucos é muito querida pelos consumidores, dessa forma queremos reforçá-la e aumentar a experiência. Não queremos que o cliente sinta perdas. O suco verde foi mais sentido, porque tinha uma cor viva e isso perdeu um pouco, mas o sabor é o mesmo. Nosso foco está na segurança, padronização e qualidade dessas bebidas”, finalizou.


Por: Priscilla Oliveira

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page