top of page

Varejo farmacêutico levanta R$ 25 milhões para associação


O varejo farmacêutico mais uma vez comprova sua relevância social. De 2006 para cá, apenas com o troco doado pelos consumidores, R$ 25 milhões foram dedicados a AACD. As informações são do O Globo.


Quem aponta tamanho aporte é a RaiaDrogasil, que oferece o serviço de “troco solidário” em suas 2,9 mil lojas das bandeiras Droga Raia e Drogasil.


Segundo as estimativas da rede de farmácias, a associação, que atua com crianças e adultos com deficiência, pode realizar aproximadamente 250 mil atendimentos com o auxílio do setor.


Rede também estruturou agenda ESG


Além de sua ação social de troco solidário, a RaiaDrogasil também tem investido em sua agenda ESG, que compreende carros elétricos e o uso de inteligência artificial.


Para auxiliar a varejista neste processo, quatro startups foram contratadas pra solucionar dores ligadas às metas de governança e sustentabilidade estabelecidas para até 2030.


A rede de farmácias contará com carros elétricos em seu Centro de Distribuição e também utilizará a IA para otimizar sua coleta de resíduos, soube o Panorama Farmacêutico com exclusividade.


Varejo farmacêutico “e social”


E não é só a RaiaDrogasil que tem feito sua parte quando o assunto é ajudar a sociedade. A Farmácias São João destinou, apenas em 2023, R$ 12,2 milhões a ações sociais.


Essas doações foram compostas pelas feitas de capital próprio e também as incentivadas, que são aquelas que serão deduzidas dos impostos futuramente.


Observando um cenário mais amplo, o total cedido pela empresa é ainda maior, um total de R$ 21 milhões em doações nos últimos dois anos.


Por: Cesar Ferro

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page