top of page

Grupo Mateus testa o mercado pet


O Grupo Mateus iniciou um projeto-piloto no mercado pet.


O novo formato se chama Armazzem Pet e já tem três lojas em São Luís desde a semana passada. (O Maranhão é um estado ainda pouco explorado pelas gigantes do setor.)


Ao contrário das megalojas da Petz e Cobasi, a aposta do Mateus é em unidades menores, de cerca de 100 metros quadrados, e aproveitando toda a estrutura logística da empresa e o ecommerce para crescer.


“Ainda é uma fase piloto e, antes de pensar em passos maiores ou expansão, estamos testando um modelo que já conhecemos bem e iniciando o contato com uma indústria que não falávamos tanto,” Túlio Queiroz, o CFO do Grupo Mateus, disse ao Brazil Journal.


Caso o projeto vingue, será o sétimo formato de loja no portfólio do Grupo Mateus – além do atacarejo clássico, o grupo tem supermercados, hipermercados, lojas de eletrônicos, lojas de produtos para bebês e de vizinhança.


As três lojas do Armazzem Pet custaram R$ 1,5 milhão cada, e o grupo não descarta uma expansão por franquias.


Para entrar no novo formato, o Mateus aumentou seus SKUs voltados para o mercado pet de 1300 para 2800. Segundo o grupo, as vendas na primeira semana surpreenderam positivamente.


Mesmo com um número reduzido de lojas, o Mateus promete entregar todas as compras em São Luís em até um dia, caso o produto esteja em algum centro de distribuição. Se o item estiver na loja, a entrega será no mesmo dia, disse Alex Martins, o executivo responsável pelo negócio.


“O Armazzem Pet já nasce dentro do aplicativo Mateus+, para podermos atender os mais 250.000 usuários que já estão na nossa base,” disse Alex.


O mercado pet deve movimentar R$ 67 bilhões este ano, segundo o Instituto Pet Brasil. O Nordeste tem uma fatia de cerca de 20%.


Apesar do crescimento de empresas como Petz e Cobasi, 49% do faturamento do setor ainda está nas lojas de bairro.


No Maranhão, esse percentual pode ser ainda maior. A Cobasi não tem lojas por lá; a Petz possui apenas uma. Já a rede de franquias Petland tem sete unidades no estado.


A Terra Zoo é a principal marca do estado, com 13 megastores. A varejista local, no entanto, também é voltada para a agropecuária e jardinagem.


O Grupo Mateus estreia em um setor que vive uma guerra de preços – o que tem afetado as margens e as ações da Petz – e a expectativa de que a

companhia fundada por Sérgio Zimerman poderia se fundir com a empresa da família Nassar.


A ação do Grupo Mateus sobe 3,6% em 12 meses; a empresa vale R$ 15 bilhões na B3.


Por: André Jankavski

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page